About Us

We will translate this page as soon as possible!

Sou TULA, uma galga espanhola nascida em Madrid. Os meus dentes dizem que nasci por volta de 2008. Em 2010 fui resgatada pela ONG SOS Galgos (Barcelona, Espanha) e, pelo altruísmo que me caracteriza, decidi adoptar Maria Candela Suárez.

  • O Clube da Tula

Desde então, vivo uma vida relaxada, baseada em descobrir os melhores lugares nas cidades onde morei e moro (em Espanha e Portugal) e desenvolvo tarefas de RP na cidade do Porto. Assim divulgo massivamente os abusos que milhares de galgos sofrem cada dia e as infinitas virtudes que temos como perfeitos animais de estimação.

A minha reforma involuntária chegou muito cedo. Mas sou ciente de que ainda tenho muito para oferecer. Por isso, co-edito a revista trimestral INFO-Galgos, da ONG SOS Galgos, e sou co-fundadora e directora geral de O CLUBE DA TULA.

Sou ainda a musa inspiradora dos glamourosos e exclusivos acessórios desenhados pela Candela para cães e cadelas. Como eu adoro crianças, muitos desses acessórios foram criados para que eles também possam usá-los.

O Clube da Tula

Sou CANDELA, uma argentina habitante do mundo. Nasci em Buenos Aires, em 1973. Em 1999 licenciei-me em Arquitectura pela Universidade Nacional de Mar del Plata. Em 2007 obtive o diploma de doutoramento na Universidade Politécnica de Catalunha (Barcelona, Espanha).

O Clube da Tula

Desde Dezembro de 2007, sou editora da revista trimestral INFO-Galgos, da ONG SOS Galgos.

Cansada de ver o sistema académico e científico determinar violentamente o meu destino profissional e espiritual, decidi ouvir o meu coração e assumir o desafio, contra toda lógica, de recuperar as minhas bases e o meu enorme sonho: reactivar o trabalho com cães que já realizara com sucesso em Barcelona, com o serviço “Como em casa”, e desenhar com amor acessórios cheios de glamour e singularidade para cães e cadelas (e, porque não, alguns deles também para crianças e adultos) enquanto continuo a fazer pesquisa em arquitectura, mas de maneira independente.

Pela minha experiência (25 anos de convívio intensivo com cães e 9 de especialização em galgos, principalmente espanhóis e ingleses), tenho a certeza de que os cães nunca tentarão aniquilar os meus princípios nem roubar a minha dignidade, antes pelo contrário vão aumentá-la cada dia, assim como a minha criatividade. Tula lembra-me isso cada dia…